Princípio 14

14. Milagres dão testemunho da verdade.
São convincentes porque surgem da convicção.
Sem convicção deterioram-se em mágica,
que não faz uso da mente e é, portanto, destrutiva;
ou melhor, é o uso não-criativo da mente.
 
Comentários
Como seria 'deterioram-se em mágica.' e, 'não faz uso criativo da mente'
Kequeeh.

Comprendi assim: Aquilo que é criativo é eterno e o que não é criativo vai desaparecer ao longo do tempo.
Quando direciono a minha mente para atender ao ego, 'uso não-criativo da mente', os fenômenos decorrentes irão se deteriorar ao longo do tempo, vão desaparecer, isto seria mágica e não o milagre.
Poderia ser assim?
Também gostaria de compreender melhor este Princípio.
Reny


Quando utilizamos a mente com sua engenhosidade para fazer ou construir as formas na matéria, sabemos de antemão que irão se deteriorar.
Assim também, quando tendemos a acumular bens materiais de qualquer espécie, estando incluso o dinheiro.
Sabemos de antemão que vão se deteriorar, e retornar outra vez ao pó.
E estamos apenas dando forma, ou transformando, ou reformando, as diferentes formas de condensação de energia.
Isto é engenhosidade.
O uso criativo da mente transcende a transformação da energia já existente.
Porque tudo que esta aí, já foi criado.
"acumular tesouros no céu."
Isto é que é ser criativo. Porque tudo que é criado é para sempre.
Jorge

 

©  2004 - Milagres